Notícias

Compartilhe esta Notícia

Saiba mais sobre Infarto agudo do miocárdio

Foto -

 

Também conhecido como ataque cardíaco, o infarto agudo do miocárdio (IAM) acontece quando um coágulo (trombo) causa obstrução da passagem do sangue, através das artérias coronárias, até o músculo do coração, cientificamente chamado de miocárdio.

Com o bloqueio no fluxo de sangue o a área do miocárdio afetada começa a sofrer e morrerá caso a artéria não seja desobstruída.

Por isso o tratamento é uma emergência e quanto mais demorado for, maiores as sequelas para o coração. O infarto acomete, mais frequentemente, homens acima dos 45 anos e mulheres após a menopausa.
 
O sintoma mais comum do IAM é dor no peito. Normalmente ela é de forte intensidade, podendo irradiar para os braços, pescoço e para as costas. Frequentemente o paciente sente ainda tontura, enjôos e apresentam vômitos. Outros sintomas menos comuns pode acontecer, tais como dor no estômago, falta de ar e palpitação.

Caso tenha algum dos sintomas, ligue imediatamente para o serviço de emergência (SAMU 192) ou procure o hospital mais próximo. Se não tem alergia a AAS, mastigue 2 comprimidos de AAS infantil (100mg) até o socorro chegar.
 

Essa medida reduz em até 23% a chance de morrer pelo IAM.  Na grande maioria das vezes o diagnóstico de IAM é rápido, através de eletrocardiograma e dosagens laboratoriais na emergência.
 
O tratamento consiste em desobstruir a artéria o mais rápido possível, através de cateterismo cardíaco com angioplastia ou por meio de medicação para dissolver o coágulo, chamada trombolítico.

Autoria do texto: Dr. Luiz Flávio Prado, Médico Cardiologista da Rede Primavera.