Notícias

Compartilhe esta Notícia

Hospital Primavera desativa unidades para pacientes com Covid

Foto -

 

Devido a redução no número de pacientes com a Covid-19, o Hospital Primavera desativou na semana passada a UTI de retaguarda com 10 leitos, exclusiva para pacientes diagnosticados com o novo coronavírus, e na tarde do dia 01/09, os 3 constainers que foram instalados no estacionamento na unidade de saúde, com uma estrutura montada para receber pacientes com sintomas de infecção respiratória sem sinais de gravidade, inclusive os casos suspeitos de Coronavírus, além da realização de exames do tipo PCR, laboratoriais e tomografia.

Durante cinco meses, foram realizados cerca de 10.700 atendimentos. O encerramento contou com a participação de diretores, profissionais da saúde e colaboradores, que foram agraciados com as bênçãos e preces do padre Marcelo Conceição. Em suas palavras, o padre ressaltou que o momento é de superação, gratidão e fé. "Que Deus na sua infinita misericórdia abençoe a todos que continuam enfrentando essa batalha com esperança e otimismo. O senhor é muito bom e bom com todos nós", concluiu.

Diante dos colegas, o coordenador da Unidade de Emergência, Dr. Rodrigo Cabral, agradeceu o empenho de todos e enfatizou que o hospital continua com os atendimentos com suspeita ou não para o diagnóstico do coronavírus, seguindo todos os protocolos de segurança institucional.

Segundo ele, os resultados são satisfatórios e a sensação é de dever cumprido e felicidade por cuidar de cada paciente da melhor maneira possível. Ao final, o Padre Marcelo presentou a todos com um terço e o Hospital Primavera ganhou uma imagem do ícone ortodoxo, que representa imagem do Deus da misericórdia. Balões coloridos foram soltos com muita alegria por cada participante.